abril 2024 Variação referente ao mês homólogo
Nascimentos
03496
-8,7%
Encerramentos
00542
-35,8%
Insolvências
00178
34,8%

Foram criadas 23 488 novas empresas até final de maio, menos 2,9% do que no ano passado

  • Setor da Construção tem o maior crescimento na criação de empresas;
  • Norte, Centro e Regiões Autónomas aumentam criação de empresas;
  • Insolvências crescem 12% face ao período homólogo;

Entre o início do ano e o final de maio, foram criadas 23 488 novas empresas em Portugal, um registo 2,9% abaixo dos 5 primeiros meses do ano anterior (-690 constituições de empresas). A descida deve-se a uma descida no primeiro trimestre face ao ano anterior.

A descida na criação de empresas ocorre na maior parte dos setores, em particular nos Transportes (-24%; -713 constituições de empresas), uma tendência que se verifica desde dezembro do ano passado, em especial no Transporte ocasional de passageiros em veículos ligeiros.

Também os setores das Atividades imobiliárias (-7,0%; -159 constituições de empresas), dos Grossistas (-11%; -114 constituições de empresas) e do Alojamento e restauração (-4,2%; -101 constituições de empresas) registam descidas expressivas na criação de empresas durante este período.

Entre os 4 setores onde aumentou o número de constituições de empresas, destaca-se a Construção, com mais 225 novas empresas do que no período homólogo (+8,4%).

Do ponto de vista geográfico, a Área Metropolitana de Lisboa lidera as descidas neste indicador com uma queda de 967 constituições de empresas (-10%), seguida do Alentejo e Algarve. A região Norte lidera as subidas com mais 191 novas empresas (+2,7%). Também a região Centro e as Regiões Autónomas registam um crescimento na criação de empresas até 31 de maio.

Indústria Têxtil e Moda lidera aumento dos processos de insolvência

Até final de maio, 914 empresas iniciaram um processo de insolvência, mais 12% (+101 processos de insolvência) do que no período homólogo, mantendo assim a tendência de subida que se verificou no último ano.

Esta subida é maioritariamente suportada pelo setor das Indústrias (+81%; +125 processos de insolvência), setor com maior número de insolvências. O aumento do número de processos de insolvência no setor das Indústrias foi muito concentrado em empresas de Têxtil e Moda (+163%; +109 processos de insolvência), nomeadamente nas atividades de Fabricação de calçado (+442%; +53 processos de insolvência) e Confeção de outro vestuário exterior em série (+113%; +35 processos de insolvência), localizados na região Norte, em especial nos distritos do Porto e Braga.

Além das Indústrias, também o Retalho, o 2º setor com mais insolvências, registou uma subida expressiva (+20%, +22 processos de insolvência).

Encerramentos nos últimos 12 meses crescem em metade dos setores de atividade

Nos 5 primeiros meses de 2024, encerraram 5 119 empresas, -4,4% do que no período homólogo, sendo que à data hoje ainda existem publicações a serem efetuadas pelo Registo Comercial.

No entanto, no acumulado dos últimos 12 meses, este indicador atinge os 15 120 encerramentos, um registo 2,1% acima dos 12 meses anteriores (+308 encerramentos). Para esta subida contribuíram em especial os setores dos Serviços empresariais (+12%; +258 encerramentos), Transportes (+21%; +144 encerramentos) e Alojamento e restauração (+6,4%; + 106 encerramentos).

Ver o Barómetro completo

Nota sobre insolvências

Entidades com processos de insolvência iniciados no período considerado, com publicação no portal Citius do Ministério da Justiça. O Barómetro Informa D&B considera os processos de insolvência de pessoas coletivas. Este Barómetro não analisa os processos de insolvência de empresários em nome individual, de profissionais liberais ou de particulares.

SOBRE A INFORMA D&B
A Informa D&B é especialista no conhecimento do tecido empresarial. Através de análises inovadoras, disponibiliza o acesso a informação atualizada e relevante sobre a atividade de empresas e gestores, fundamental para a condução dos negócios dos seus clientes. A Informa D&B está integrada na maior rede mundial de informação empresarial, a D&B Worldwide Network, com acesso aos dados de mais de 550 milhões de agentes económicos em todo o mundo. A base de dados empresarial da Informa D&B é a mais utilizada em Portugal, servindo mais de 500 mil utilizadores através das duas marcas: INFORMA e eInforma.

Para mais informações: apoio@informadb.pt/808 29 30 29