sexta-feira, 15 de junho de 2018

Evolução positiva do mercado de medicamentos em 2017


Evolução do Mercado


  • O volume de negócio da distribuição grossista de produtos farmacêuticos manteve nos últimos anos uma tendência de ligeiro crescimento. Assim, as receitas agregadas de 38 das principais empresas situaram-se em 2016 em 2.085 milhões de euros, mais 0,5% do que no exercício anterior. Para 2017 estimou-se um acréscimo semelhante da faturação agregada, até aos 2.100 milhões de euros.
  • Por sua vez, o valor do mercado de medicamentos cresceu cerca de 2% em 2017 até aos 2.575 milhões de euros, após as taxas de 3.9% e 1,6% contabilizadas em 2015 e 2016, respetivamente.
  • Em termos de número de embalagens comercializadas, observa-se um crescimento ligeiramente inferior no período 2015-2017, o que reflete a tendência de aumento dos preços.

Estrutura da oferta

  • No setor de distribuição grossista de produtos farmacêuticos predominam os pequenos operadores, de forma que só oito empregam mais de 50 trabalhadores e somente dois têm um quadro de pessoal acima de 250 empregados.
  • No ano de 2016 quebrou-se a tendência descendente do emprego setorial registada em anos anteriores. Assim, o quadro de pessoal agregado de 29 das principais empresas atingiu 1.535 trabalhadores, mais 4,1% do que em 2015.
  • Do ponto de vista geográfico, percebe-se uma notável concentração da oferta no distrito de Lisboa, no qual estão sediadas 17 das 40 empresas de maior dimensão, pouco mais de 40%, situando-se atrás dele o Porto, com 20%.

Dados Gerais, 2017