quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Volume de negócios das empresas de transporte rodoviário de passageiros subiu 1,7% em 2015



Evolução do Mercado


  • A retoma da procura turística, tanto nacional como internacional, permitiu um suave crescimento da faturação agregada das empresas de transportes rodoviário de passageiros em 2014, tendência que se manteve no ano 2015, num enquadramento macroeconómico mais favorável.
  • Assim, o valor do mercado aumentou 0,9% em 2014, após os decréscimos contabilizados nos dois exercícios precedentes, estimando-se para o exercício 2015 um acréscimo adicional de 1,7%, até alcançar 595 milhões de euros. A depreciação dos combustíveis favoreceu uma melhoria da rentabilidade do setor em 2015, tendência que se manterá previsivelmente em 2016.
  • Por outro lado, o número de passageiros transportados em serviços de transporte nacional situou-se em 2014 em 475 milhões, destacando-se Lisboa como a principal zona de origem e destino, em ambos os casos com participações sobre o total ligeiramente acima de 50%.

Estrutura da Oferta


  • Em 2014 operavam em Portugal 138 empresas com atividade de transportes rodoviário de passageiros nacional interurbano, as quais contavam com um parque de 6.816 veículos, valor semelhante ao do ano 2013 mas 10% abaixo do contabilizado em 2012.
  • Só uma quinzena de companhias geria um parque superior a 100 veículos, concentrando cerca de 60% do parque total, enquanto  cerca de 75 dispunham de menos de 20. Neste contexto, a frota média por empresa situou-se em 2014 em 49 veículos.
  • A zona Norte de Portugal é com grande diferença sobre as restantes a que contem o maior número de operadores, com pouco mais de 55% do global, à frente das zonas Centro (23%) e Lisboa (16%).

Dados Gerais, 2015